FANDOM


Prelúdio de Os Vingadores: A Grande Semana de Fury
Fury's Big Week 1.jpg
Editor-Chefe Axel Alonso
Roteiristas Eric Pearson
Christopher Yost
Artistas Luke Ross
Daniel HDR
Mark Pennington
Chris Sotomayor
Chris Eliopoulos
Joe Caramagna
Agustin Padilla
Don Ho
Wellinton Alves
Rick Ketcham
Data de Lançamento do Quadrinho 1 7 de março de 2012
Data de Lançamento do Quadrinho 2 21 de março de 2012
Data de Lançamento do Quadrinho 3 4 de abril de 2012
Data de Lançamento do Quadrinho 4 18 de abril de 2012
Data de Lançamento do Quadrinho 5 29 de fevereiro de 2012
Data de Lançamento do Quadrinho 6 29 de fevereiro de 2012
Data de Lançamento do Quadrinho 7 29 de fevereiro de 2012
Data de Lançamento do Quadrinho 8 29 de fevereiro de 2012
Número de Quadrinhos 8
Universo Cinematográfico Marvel
← Antes Depois →
Capitão América: Primeira Vingança
Os Vingadores: Viúva Negra Ataca
Prelúdio de Os Vingadores: A Grande Semana de Fury, ou apenas A Grande Semana de Fury, é um grupo de oito quadrinhos que são um prólogo de Os Vingadores. Foi escrito por Christopher Yost & Eric Pearson com arte de Luke Ross & Daniel HDR.

Enredo Editar

Editar

Em 1945, no Ártico, o Capitão América está lutando contra agentes da HIDRA a bordo do Valquíria. Quando um dos agentes tenta adentrar um dos bombas suicidas, o Capitão América abriu as portas do bombardeiro , fazendo com que o míssil e o agente da HIDRA fossem sugados para fora. O agente tenta controlar a bomba na queda livre, mas não consegue e a bomba cai no gelo.

No presente, Nick Fury descobre a bomba e o piloto falecido enterrados sob o gelo. O Agente Coulson pergunta se é "ele" e Fury responde que não mas que estão chegando perto.

Mais tarde, no Acampamento da S.H.I.E.L.D. na costa nordeste da Gronelândia, Coulson discute com Fury que precisam agir rapidamente antes que a movimentação glacial fizesse a operação ser em vão. Logo Fury é informado que o Conselho de Segurança Mundial ordenou que ele deve cancelar a expedição e retornar para Nova York. Com raiva, Fury relutantemente obedece.

12 horas mais tarde, em Nova York, Fury conversa com o Conselho e eles lhe informam que vão direcionar todos os fundos da S.H.I.E.L.D. para o Projeto P.E.G.A.S.U.S. e que Fury precisa para de perder tempo com "projetos descartáveis". Fury rejeita essa ordem até eles lhe dizerem que se ele não obedecer, irão demiti-lo e substitui-lo com alguém que o fará. Após a reunião, Fury diz para Coulson que devem continuar com o que estão fazendo já que acredita ser a coisa certa a fazer. Ele então observa um monitor mostrando diversas imagens do Homem de Ferro, Hulk e Thor.

Parte 1 Editar

Uma semana antes, Fury é acordado por uma ligação e descobre que em 72 horas Tony Stark morrerá. Quando Fury chega no Quartel General da S.H.I.E.L.D., Coulson lhe informa que observou um distúrbio atmosférico sobre o Novo México e pede para ir investigá-lo. Fury entretanto não acredita em sua credibilidade e ordena que Coulson permaneça no Quartel General.

Fury é mais tarde informado por um cientista de S.H.I.E.L.D. que Stark possui altos níveis de Paládio em sua corrente sanguínea que estão fazendo sua saúde se deteriorar. Stark então recebe dióxido de lítio para desacelerar o envenenamento com o aviso que poderia matá-lo.

Fury contata Natasha Romanoff, que está no meio de um duelo entre o Máquina de Combate e o Homem de Ferro. Ele lhe diz que chegará lá logo e que ela não deve ser descoberta. Logo depois Stark voa para longe e Fury tenta falar com o Conselho de Segurança Mundial; entretanto, eles não estão disponíveis. Coulson tenta mostrar para Fury as leituras de satélite que encontrou, mas Fury novamente não o ouve.

Logo depois, um agente da S.H.I.E.L.D. informa Fury que encontraram Stark.

Fury se encontra com Romanoff e os dois vão confrontar Stark no Randy's Donuts.

Parte 2 Editar

Na Mansão de Tony Stark, Coulson investiga mais sobre os distúrbios atmosféricos e percebe que poderiam estar sinalizando uma Ponte de Einstein-Rosen. Quando Fury chega, ele o confronta com a informação, o que resulta em Fury enviando-o para o Novo México.

Mais tarde naquela noite, o Homem de Ferro luta contra os Droides de Hammer na Stark Expo enquanto Romanoff faz o download de dados do servidor das Indústrias Hammer e subsequentemente arma uma explosão que destrói a instalação.

Enquanto isso Coulson chega no Posto Avançado da S.H.I.E.L.D. em Roswell, Novo México, onde explica a seus homens o objetivo de sua missão.

Naquela noite o Agente Clint Barton é acordado por uma ligação pouco depois de Mjølnir cair na Terra. Quem liga é Nick Fury e ele o informa que deve ir para o Novo México.

Barton chega no local e rapidamente é comandado a impedir que Thor consiga Mjølnir. Coulson entretanto lhe diz para não atirar já que quer descobrir seus motivos. Após a captura de Thor, Barton sugere que o soltem para que possam segui-lo e descobrir para onde ele vai, e Coulson concorda.

Enquanto isso Loki se aproxima de Mjølnir aparentemente sem ser visto e tenta levantá-lo sem sucesso.

No dia seguinte, Romanoff chega no Quartel General da S.H.I.E.L.D. e recebe novas ordens de Fury para monitorar Bruce Banner na Universidade Culver.

Romanoff, disfarçada na universidade, testemunha o Hulk lutando contra os homens do General Thaddeus Ross.

Parte 3 Editar

Durante a Batalha na Universidade Culver, Romanoff informa Fury que Banner "mudou" e subsequentemente recebe ordens para não deixar que o General Ross leve Banner vivo ou morto. Romanoff mais tarde testemunha o aprimorado Emil Blonsky.

Mais tarde naquele dia, Fury pede que Stark seja um consultor em uma missão, e Stark aceita. Logo depois, Romanoff reporta a Fury que Banner conseguiu escapar e que Blonsky havia sido aprimorado.

Fury recebe uma ligação de Coulson durante a Batalha de Puente Antiguo informando-o da situação. Coulson mais tarde se encontra com Barton e eles perseguem o Destruidor.

Após chegarem no local, testemunham Thor desativando o Destruidor e mais tarde decidem levarem-no embora em um avião.

Naquela noite eles chegaram na base aérea da S.H.I.E.L.D. em Roswell, Novo México, onde supervisionaram o Destruidor sendo transferido para a aeronave.

No Quartel General da S.H.I.E.L.D., Fury é informado que o General Ross acessou seus sistemas. Fury se encontra com Ross, que se recusa a interromper seu programa de super soldados e diz para Fury que vai capturar o Hulk. Fury, em resposta, envia Romanoff para a localização de Banner.

No Harlem, naquela noite, Romanoff testemunha Banner sendo preso pelos homens do General Ross e procura o Dr. Samuel Sterns. Enquanto ela tenta entrar no edifício, o Abominável cria um tumulto e seu telefone quebra. Quando ela entra no laboratório, ela encontra um Stern mutado deitado no chão.

Parte 4 Editar

Romanoff confronta Stern e descobre que, como resultado de sua mutação, ele possui uma capacidade mental aumentada e se tornou delirante. Quando Sterns se aproxima dela, ela atira na perna dele, neutralizando-o no processo. Ela utiliza o telefone do laboratório para pedir uma extração pelo telhado, onde ela testemunha o Duelo do Harlem.

Novamente no Quartel General da S.H.I.E.L.D., ela expressa suas preocupações para Fury que talvez eles não possam manter a ordem em um mundo de super-heróis. Em resposta, Fury contata o conselho e pede um novo prospecto para a S.H.I.E.L.D. O conselho questiona se ele fez algum progresso com o Tesseract. Fury lhes diz que salvou a vida de Stark, encontrou e formou uma aliança com Thor, ajudou a impedir Ross e seus experimentos com super soldados e manteve um time procurando pelo Capitão América. Ele também garante que a armadura do Destruidor, o Novo Elemento de Tony Stark e o Capitão América, sendo a única pessoa viva a ter entrado em contato com o Tesseract, poderiam ajudar durante o Projeto P.E.G.A.S.U.S. Devido às suas razões, o conselho concorda com seu novo prospecto.

Editar

Um ano mais tarde, um pesquisador encontra a insignia da HIDRA embaixo do gelo do Ártico.

No Quartel General da S.H.I.E.L.D., Coulson vai para a sala onde o Destruidor está, passando por uma sala onde estão estudando a Armadura do Chicote: Mark I, distúrbios atmosféricos e o Projeto Sr. Azul.

Quando ele chega na sala com o Destruidor, ele testemunha a primeira vez que são capazes de reativarem-no, chamando isso de "sucesso". Ele fala para o cientista no comando para transformá-lo em uma arma.

Quando ele deixa a sala, é informado por Nick Fury que encontraram Steve Rogers e que ele deve ir até lá imediatamente.

Mais tarde, Fury leva Barton para o Complexo Joint Dark Energy Mission, onde ele é apresentado ao Dr. Selvig, que sob influência de Loki diz, "Eu me lembro de você" enquanto estudam o Tesseract.

Aparições Editar

Personagens Editar

Locais Editar

Eventos Editar

Itens Editar

Veículos Editar

Espécies Sencientes Editar

Organizações Editar

Curiosidades Editar

Referências Editar

Transparent AOU Logo.png
A wiki Universo Cinematográfico Marvel possui uma coleção de imagens e mídias relacionadas a Prelúdio de Os Vingadores: A Grande Semana de Fury.

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

Também no FANDOM

Wiki aleatória